voltar ao ínicio

 

http://Evasoes.site.vu - Evasões de um sonhador

 

Eu

Sobre mim

quem sou eu

fotografias

instante

aos olhos de alguém

Agenda

Escolhas

 

Palavras soltas

Evasões de um sonhador

Arquivos

 

Dream

Definição

Sobre os sonhos

Superstições

sonhos

signos do zodíaco

 

Gostos

Fotografia

Poesia

 

Na internet

IRC

PTnet

BRASnet

#Ðream

noticias do IRC

rapazes

raparigas

Links

arte

diversos

informação

páginas pessoais

utilidade

 

Link me

Mailing List

Livro de visitas

Fórum

Contactos

 

Estatísticas e Outros

total de visitas

 

Dream © 2004

 

.:: Domingo, Fevereiro 29

Auto-determinação

Não nos podemos encontrar nos outros.
Não podemos viver para os outros, não podemos ser o que os outros querem que sejamos, porque o que desejam não é o que somos. Esta é uma verdade tão simples, no entanto, é talvez a maior causa do sofrimento e luta psicológica humana.
Muitas vezes é mais simples para nós tornarmo-nos o que os outros desejam, mas, ao fazê-lo, renunciamos aos nossos sonhos, abandonamos as nossas esperanças, passamos por cima das nossas necessidades. Isto faz com que nos sintamos fracos, impotentes, sem um ego verdadeiro.
Possuímos tudo que é necessário para nos tornarmos o que somos. Inicialmente devemo-nos aceitar como somos, com todo o nosso potencial.
Devemos seguir os nossos impulsos em direcção à auto-realização de uma forma pacífica, paciente e disciplinada. Munidos da ousadia para voltarmos para dentro e nos livrarmos da tirania das vontades dos que nos cercam, devemos determinar o nosso caminho.
O amor não pode ser justificação para a dominação. Há uma expressão verdadeira que diz: "Use as coisas, ame as pessoas". É assustador como muitas pessoas fazem justamente o contrário em nome do amor: pais que usam os filhos, maridos que usam as esposas, educadores que usam os alunos, radicais que usam a sociedade.
Usam as vidas dos outros para afirmar a própria natureza e valor.
A dominação num relacionamento, não importa a que título, jamais será amor.

"O maior bem que podemos fazer para a humanidade é a nossa própria auto-realização".

 

[ 16:49 ] por Gonçalo Trafaria · |  



Estou de volta

Peço desculpa por esta ausência semi-forçada e não comunicada. Aproveitei durante a semana para tirar umas férias e tal como já fora aqui comentado, tive de reparar os danos provocados por uma trovoada que caiu aqui próximo (no passado fim de semana), tendo inutilizado o modem, placa de rede do computador e a fonte de alimentação do mesmo.

Agora com tudo funcional e comigo de volta, as evasões vão continuar!

Agradeço também a atenção demonstrada por aqueles que me enviaram e-mails, sms e/ou telefonaram para saber o motivo da minha ausência não comunicada.

 

[ 13:01 ] por Gonçalo Trafaria · |

 

 



.:: Sábado, Fevereiro 21

Um mimo

Se, um dia, você acordar e estiver a ser carregada(o) por formigas...

...não se preocupe...

É porque você é um doce de pessoa!

 

[ 16:22 ] por Gonçalo Trafaria · |

 

 



.:: Sexta-feira, Fevereiro 20

Conselhos misturados com insónias II

Nunca tenha medo de tentar algo novo. Lembre-se de que um amador solitário construiu a Arca. Um grande grupo de profissionais construiu o Titanic.
(é melhor ir tentar dormir de novo)

 

[ 01:10 ] por Gonçalo Trafaria · |  



Conselhos misturados com insónias I

Jamais, sob quaisquer circunstâncias, tome um remédio para dormir e um laxante na mesma noite! (nunca tinha pensado nisso, mas o efeito deve ser mau)

 

[ 01:08 ] por Gonçalo Trafaria · |

 

 



.:: Quinta-feira, Fevereiro 19

Jogo das Escondidas

Conta-se que uma vez se reuniram todos os sentimentos e qualidades dos homens num lugar da Terra.
Quando o Aborrecimento havia reclamado pela terceira vez, a Loucura, como sempre tão louca, lhes propôs: - Vamos brincar às escondidas?
A Intriga levantou a sobrancelha intrigada e a Curiosidade sem poder conter-se, perguntou: - Escondidas? Como é que é isso?
- É um jogo! Explicou a Loucura - Em que eu fecho os olhos e começo a contar de um milhão a um milhão enquanto vocês se escondem, e quando eu tiver terminado de contar, o primeiro de vocês que eu encontrar ocupará o meu lugar para continuar o jogo.
O Entusiasmo dançou seguido pela Euforia. A Alegria deu tantos saltos que acabou por convencer a Dúvida e até mesmo a Apatia, que nunca se interessava por nada.
Mas nem todos quiseram participar: a Verdade preferiu não se esconder - Para quê, se no final todos me encontram? Pensou.
A Soberba opinou que era um jogo muito tonto (no fundo o que a incomodava era que a ideia não tivesse sido dela) e a Covardia preferiu não arriscar-se.
- Um, dois, três, quatro… - Começou a contar a Loucura.
A primeira a esconder-se foi a Pressa, que como sempre caiu atrás da primeira pedra do caminho.
A Fé subiu ao céu e a Inveja escondeu-se atrás da sombra do Triunfo, que com o seu próprio esforço tinha conseguido subir à copa da árvore mais alta.
A Generosidade quase não consegue esconder-se, pois cada local que encontrava, lhe parecia maravilhoso para algum dos seus amigos: se era um lago cristalino, seria ideal para a Beleza. Se era a copa de uma árvore, perfeito para a Timidez. Se era o voo de uma borboleta, seria o melhor para a Volúpia. Se era uma rajada de vento, magnífico para a Liberdade. E assim, acabou escondendo-se num raio de sol.
O Egoísmo, ao contrário, encontrou um local muito bom desde o início. Ventilado, cómodo, mas apenas para ele.
A Mentira escondeu-se no fundo do oceano (mentira, na realidade, escondeu-se atrás do arco-íris) e a Paixão e o Desejo, no centro dos vulcões.
O Esquecimento, não me recordo onde se escondeu, mas isso não é o mais importante.
Quando a Loucura estava lá pelo 999.999, o Amor ainda não tinha encontrado um lugar para se esconder, pois todos já estavam ocupados, até que encontrou uma rosa e, carinhosamente, decidiu esconder-se entre as suas pétalas.

Um milhão!!! Terminou de contar a Loucura e começou a busca!

A primeira a aparecer foi a Pressa, apenas a três passos de uma pedra. Depois escutou-se a Fé discutindo com Deus no céu sobre zoologia. Sentiu-se vibrar a Paixão e o Desejo nos vulcões. Num descuido encontrou-se a Inveja e, claro, pode-se deduzir onde estava o Triunfo. O Egoísmo, não teve de ser procurado. Ele mesmo saiu do esconderijo que na verdade era um ninho de vespas.
Loucura, de tanto caminhar, sentiu sede e ao aproximar-se de um lago, descobriu a Beleza. A Dúvida foi mais fácil ainda, pois encontrou-a sentada sobre uma cerca sem decidir de que lado esconder-se.
E assim foi encontrando todos: o Talento entre a erva fresca, a Angústia numa cova escura, a Mentira atrás do arco-íris (mentira, estava no fundo do oceano) e até o Esquecimento, que já havia esquecido que estava brincando às escondidas.
Apenas o Amor não aparecia em nenhum local. A Loucura procurou atrás de cada árvore, em baixo de cada rocha do planeta e em cima das montanhas.
Quando estava a ponto de dar-se por vencida, encontrou um roseiral. Pegou numa forquilha e começou a mover os ramos, quando, no mesmo instante, escutou um grito doloroso.
Os espinhos tinham ferido o Amor nos olhos. A Loucura não sabia o que fazer para se desculpar. Chorou, rezou, implorou, pediu e até prometeu ser seu guia.



Desde então, desde a primeira vez que se brincou às escondidas na Terra, o Amor é cego e a Loucura sempre o acompanha.

 

[ 02:15 ] por Gonçalo Trafaria · |

 

 



.:: Quarta-feira, Fevereiro 18

Agradecimento(s)

Não me é usual fazer agradecimentos neste espaço, mas no rescaldo do dia de ontem eu irei fazer!

Agradeço então a quem entrou em contacto comigo por telemóvel para me dar os parabéns de viva voz, aqueles que o fizeram por SMS (nunca tinha visto o meu telemóvel ficar tão lento a ler e apagar mensagens, tal o numero de SMS que tinha na caixa de entrada e estava constantemente a receber), pelo messenger ou IRC, agradeço também a quem me enviou e-mails e portais virtuais de parabéns! Também não podia deixar de agradecer a quem se deslocou até mim para me felicitar e/ou ontem participou na comemoração.

Por fim, e apenas a uma única pessoa, que estando longe (USA), decidiu escrever uma carta, junto enviou umas pequenas lembranças, e de uma forma especial deixou-me com um sorriso bem sensibilizado. Falo de ti Vânia, e como agradecimento coloquei aqui o teu, "nosso" coração! Prometo que o mesmo irá para a capa do meu traje e que em Janeiro de 2005 ele subirá ao palco comigo, numa cerimónia, para receber o Diploma e Graduação de Final de Curso.

alguns dos corações oferecidos pela vânia


Muito agradecido a todos, fizeram que o dia de ontem fosse deveras especial para mim e para quem me rodeia.

 

[ 13:42 ] por Gonçalo Trafaria · |

 

 



.:: Terça-feira, Fevereiro 17

Hoje é o meu aniversário

a minha irmã, eu e a minha mãe no meu 3º aniversário

Na imagem eu apagava somente três velas, agora apago normalmente duas, mas os números nelas representado é bem superior!
Os anos passam e nós nem damos por isso. Parece que foi à dias que entrei para o jardim infantil, que anteontem entrava para a primária e que ontem terminava o secundário!
Lembro-me tão bem dos tempos de criança... tenho saudades daquela ingenuidade, do sentido enorme de irresponsabilidade, afinal de contas, isso é ser criança. A criança hoje está mais crescida mas ainda vive dentro de mim.

Hoje estou de parabéns, faço anos!

Agradeço aos meus progenitores por me porem neste mundo, e transmitirem genética e educacionalmente o melhor que deles podia vir! Agradeço a toda a família por fazerem de mim aquilo que sou hoje, não posso esquecer os amigos que muito me têm apoiado e fazem parte da pessoa que também sou, agradeço a todos em geral e ao mundo em particular.

Chega de sensibilidades, a festa vai começar...

 

[ 14:11 ] por Gonçalo Trafaria · |

 

 



.:: Segunda-feira, Fevereiro 16

:x

Ia uma Lula, e um Espargo na rua. O Espargo calca a Lula, e esta diz:
- Éspargo ou que??
Diz o Espargo:- Calula!

 

[ 02:30 ] por Gonçalo Trafaria · |

 

 



.:: Sábado, Fevereiro 14

Dia de São Valentim

Já dizia Drummond de Andrade, muitas pessoas apaixonam-se muitas vezes na vida.
Mas poucas amam ou encontram um amor verdadeiro.
Ou às vezes encontram e, por não prestarem atenção nesses sinais, deixam o amor passar sem deixá-lo acontecer verdadeiramente.
É o livre-arbítrio.

Por isso, preste atenção nos sinais - não deixe que as loucuras do dia-a-dia o deixem cego para a melhor coisa da vida:

… O amor.

 

[ 01:26 ] por Gonçalo Trafaria · |

 

 



.:: Sexta-feira, Fevereiro 13

Rescaldo mensal

Para ver quantos amigos tem, dê uma festa. Para ver a qualidade deles, fique doente!

 

[ 06:12 ] por Gonçalo Trafaria · |

 

 



.:: Quinta-feira, Fevereiro 12

Besunte-se de Vida

lagoa de albufeira por Gonçalo Trafaria
Não coma a vida com garfo e faca,
besunte-se.
Muita gente guarda a vida para o futuro.

Mesmo que a vida esteja no frigorifico,
se você não a viver, ela deteriorar-se-á.
É por isso que tantas pessoas se sentem emboloradas na meia-idade.

Elas guardam a vida,
não se entregam ao amor,
ao trabalho, não ousaram,
não foram em frente.

Depois chega o momento em que se consciencializam:
"Xiça, passei fome para guardar
estas batatas e elas apodreceram."

Não deixe a sua vida ficar muito séria.
Viva como se estivesse num jogo,
saboreie tudo o que conseguir,
as derrotas e as vitórias,
a força do amanhecer
e a poesia do anoitecer.

Besunte-se de vida…



Já dizia Marcello Baulléo:

"Se quiser esquecer todos os seus problemas, use um sapato bem apertado..."

 

[ 14:12 ] por Gonçalo Trafaria · |

 

 



.:: Quarta-feira, Fevereiro 11

Facto do dia


beatles (img by i.timeinc.net)

Estavamos neste mesmo dia, no ano de 1963, quando os Beatles gravaram o seu primeiro álbum, Please Please Me.

E o fenómeno começou...

 

[ 04:44 ] por Gonçalo Trafaria · |  



Meditação do dia

"O medo de sofrer é pior que o próprio sofrimento. E nenhum coração jamais sofreu quando foi em busca de seus sonhos. "

Paulo Coelho


A dor é inevitável...
O sofrimento é opcional...

 

[ 04:16 ] por Gonçalo Trafaria · |  



Desejo feminino

Uma mulher andava na beira de um rio, quando viu um sapo preso nuns galhos pedindo socorro. Quando ela se chegou perto, ele disse: Salva-me que eu realizo-lhe três desejos, mas tudo o que eu der a você, seu marido ganhará 10 vezes mais. Ela pensou um pouco, mas aceitou.

1º Desejo: Mulher: Quero ser MUUUUUITO, mas MUUUUUITO rica. Sapo: Ok, mas lembre-se que o seu marido será 10 vezes mais rico. Mulher: Não tem importância, tudo que é meu é dele, e tudo que é dele é meu. E ela tornou-se muito rica.

2º Desejo: Mulher: Quero ser MUUUUUITO, mas MUUUUUITO Bonita. Sapo: Ok, mas as mulheres vão cair em cima do seu marido porque ele vai ser 10 vezes mais bonito que você. Mulher: Não tem problema! E ela tornou-se rica e maravilhosa. O marido também.

Então a mulher pediu o 3º desejo.

3º Desejo: Mulher: Quero ter um enfartezinho do coração bem ao de levezinho...


Moral: "Nunca subestime a capacidade administrativa das mulheres"

 

[ 04:02 ] por Gonçalo Trafaria · |

 

 



.:: Terça-feira, Fevereiro 10

Friendship jumps

fotografia por Gonçalo trafaria
Jump with us, and you will be my friend!

- clickar na foto para melhor resolução -
(tirei esta fotografia em Março de 2003 em Portimão, Algarve)

 

[ 13:51 ] por Gonçalo Trafaria · |  



Cuidado...

Cuidado com os seus pensamentos porque eles transformaram-se em palavras, com as suas palavras porque elas transformaram-se em acções, com as suas acções porque elas transformaram-se em hábitos, com os seus hábitos porque eles moldam o seu carácter, com o seu carácter porque ele controla o seu "destino"...

 

[ 04:42 ] por Gonçalo Trafaria · |

 

 



.:: Segunda-feira, Fevereiro 9

O chato

Um chato nunca perde o seu tempo. Perde o dos outros.
Justiça seja feita. Todo o chato tem cara de chato.
O chato só não ronca quando dorme sozinho.
Geralmente os chatos começam a falar dizendo: "fica chato dizer mas...".
Toda a pessoa tem o seu dia chato, mas o chato é-o todo dia.
Todo o chato chateia.
O chato quando está com tosse, nunca vai ao médico. Vai ao teatro ou ao cinema.
chato é o sujeito que fica mais tempo com você, do que você com ele.
chato é a pessoa que fuma para "cravar" cigarro aos outros.
chato é a pessoa que vai com você na rua, mas pára de 2 em 2 metros porque não sabe conversar em andamento.
chato é aquele que conta tim-tim por tim-tim e ainda entra em detalhes.
chato é aquele que você diz:
- "passa lá em casa!" e ele vai mesmo.

Acho que estou a ser CHAAAAAAAATO!!!

Irra, que chatice hein!

 

[ 13:15 ] por Gonçalo Trafaria · |

 

 



.:: Sábado, Fevereiro 7

William S.Maugham

A cada minuto que passamos com raiva, perdemos sessenta felizes segundos...

 

[ 23:21 ] por Gonçalo Trafaria · |

 

 



.:: Sexta-feira, Fevereiro 6

Sentido de vida…


Certo dia o fósforo disse para a vela:

- A minha missão é acender-te.

- Ah, não! Disse a vela. Tu não vês que se me acendes, os meus dias estarão contados? Não faças uma maldade dessas!

- Então queres permanecer toda a tua vida assim dura, fria, sem nunca ter brilhado? Perguntou o fósforo.

- Mas teres que me queimar… Isso dói. Consome as minhas forças… Murmurou a vela.

- Tens toda a razão, respondeu o fósforo, esse é precisamente o mistério da tua vida. Tu e eu fomos feitos para ser luz. O que eu, como fósforo, posso fazer é muito pouco. Mas se passo a minha chama para ti, cumprirei com o meu sentido de vida. Eu fui feito justamente para isso: para começar o fogo. Tu és vela. A tua missão é brilhar. Toda a tua dor, tua energia se transformará em luz e calor.



Ouvindo isto, a vela olhou para o fósforo que já se estava apagando e disse:

- Por favor, acende-me.

candle by Gonçalo Trafaria

 

[ 09:29 ] por Gonçalo Trafaria · |

 

 



.:: Quinta-feira, Fevereiro 5

Adaptações neuromusculares à actividade física

Aos 9 anos de idade Jeremy Schill pesava apenas 29,5 kg, mas isso não o impediu de levantar a traseira do carro da sua família, que pesava 1.860 kg, de cima do peito do seu pai!

O carro havia deslizado do apoio enquanto Rique Schill trabalhava sob ele, imobilizando-o sob o eixo traseiro. Quando Jeremy percebeu que o seu pai estava a sufocar lentamente, ele levantou o carro suficientemente para permitir que o pai respirasse e que a sua mãe colocasse um outro apoio sob o pára-choques traseiro.





Como é que este menino pequeno conseguiu levantar um peso tão grande?

 

[ 15:36 ] por Gonçalo Trafaria · |

 

 



.:: Quarta-feira, Fevereiro 4

Isto há coisas…

Em Cali, na Colômbia, uma mulher só pode ter relações com o seu marido, na primeira vez que isso ocorre, a sua mãe deve estar no quarto para testemunhar o acto. (ai sogra... ai sogra…)


E no Líbano?

No Líbano, os homens podem legalmente ter relações sexuais com animais, mas estes têm de ser fêmeas. A relação sexual com machos é punível com a pena de morte…

 

[ 22:29 ] por Gonçalo Trafaria · |  



Curiosidade médica…

No Bahrain, um médico pode legalmente examinar a genital feminina, mas ele é proibido de olhar directamente para ela durante o exame.

Ele apenas pode olhar através de um espelho.

 

[ 22:23 ] por Gonçalo Trafaria · |

 

 



.:: Terça-feira, Fevereiro 3

A "Porta Negra"

Já me tinham contado à alguns anos atrás esta narrativa que hoje partilho com vocês:



Há algumas gerações atrás, durante uma das mais turbulentas guerras no Médio Oriente, um general persa capturou um espião, condenando-o à morte.

O general, um homem de grande inteligência e compaixão, havia adoptado um estranho costume em tais casos.

Ele permitia ao condenado que escolhesse.

O prisioneiro podia enfrentar um pelotão de fuzilamento, ou podia atravessar a "Porta Negra".

Um pouco antes da execução, o general ordenava que trouxessem o espião à sua presença para uma breve e final entrevista, sendo o seu principal objectivo, saber qual seria a sua resposta: o pelotão de fuzilamento ou a "Porta Negra".

Esta não era uma decisão fácil e o prisioneiro vacilava e preferia invariavelmente o pelotão ao desconhecido e aos espantosos horrores que poderiam estar por detrás da tenebrosa e misteriosa "Porta Negra".

Momentos após, se escutava o disparar das balas que davam cumprimento à sentença.

O general da nossa história, com os olhos fixos nas suas bem polidas botas, voltava-se para o seu ajudante de ordens e dizia:

- Eis ali o que é o homem! Prefere o mal conhecido ao desconhecido. É uma característica dos humanos temer o incerto. Você veja, eu disse para ele escolher...

- Afinal, o que existe atrás da "Porta Negra"? - Perguntou o seu ajudante de ordens.

- Liberdade, respondeu o general. E poucos têm sido os homens que tiveram o valor de decidir-se por ela....

 

[ 15:01 ] por Gonçalo Trafaria · |

 

 



.:: Domingo, Fevereiro 1

9 meses online: mais de 20 mil visitas

mais de 20 mil visitas...


A ciência diz:

Boas sementes, solo fértil e luz solar, geram bons frutos.
Tentei provar o contrário.
Achei uns internautas por aí (vocês).
Plantei-os em qualquer lugar (meu coração).

Fiz uma mistura com restos de sentimentos que estavam por aí...
Um pouquinho de carinho, uns dois dedinhos de dedicação, algumas gargalhadas.
Ah!!! Saudade, havia bastante.
Coloquei também um pouco de compreensão.
Achei que um pouquinho de conversa (pelos comentários), cairia muito bem.

Chocalhei tudo e reguei com uma frequência bastante regular (tenho que confessar).


E minha plantinha cresceu.
Cresceu e amadureceu.
As suas raízes emaranharam-se no meu coração e na blogosfera portuguesa.


Conclusão:

Plantei boas sementes e colhi amigos.

VOCÊS!

CUMPRIMENTOS NO CORAÇÃO


A vocês eu agradeço os seguintes valores estatísticos destas evasões:

Visitas:
- Total: 20,010
- Média diária: 111

Visualizações:
- Total: 36,322
- Média diária: 187


Agradecido, muito agradecido.

 

[ 21:59 ] por Gonçalo Trafaria · |

 

 



 

· Dream Copyright © 2004 Todo o conteúdo com direitos reservados ·